Publicidade

Notícias de saúde

Médicos passam quase seis horas por dia trabalhando em prontuário eletrônico

11 de outubro de 2017 (Bibliomed). Os médicos passam quase seis horas por dia trabalhando no registro eletrônico de saúde (EHR), com 4,5 horas de trabalho durante as horas da clínica e 1,4 horas após as horas da clínica, de acordo com um estudo publicado na revista Annals of Family Medicine.

Investigadores da Universidade de Wisconsin em Madison realizaram um estudo retrospectivo de 142 médicos de medicina familiar em um único sistema no sul de Wisconsin. Os autores capturaram todas as interações de EHR da Epic Systems Corporation ao longo de um período de três anos para atendimento direto ao paciente e atividades não-presenciais; estes foram validados por observações diretas.

Os pesquisadores descobriram que os médicos passaram 355 minutos (5,9 horas) de uma jornada de trabalho de 11,4 horas no EHR por dia da semana por cada 1,0 equivalente clínico em tempo integral: 269 e 86 minutos durante e após as horas clínicas, respectivamente. Documentação, entrada de pedidos, cobrança e codificação e segurança do sistema foram tarefas administrativas que representaram 44,2% do tempo total de EHR. Outros 85 minutos (23,7%) foram contabilizados pelo gerenciamento da caixa de entrada.

Portanto, os médicos de cuidados primários gastam mais de metade da jornada de trabalho, quase seis horas/ dia, interagindo com o EHR durante e após as horas da clínica.

Fonte: Ann Fam Med September/October 2017 vol. 15 no. 5 419-426. doi: 10.1370/afm.2121

Copyright © 2017 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: