Publicidade

Notícias de saúde

Crescem as taxas de infecção resistentes aos antibióticos em crianças

31 de março de 2017 (Bibliomed). As infecções bacterianas resistentes aos antibióticos por Enterobacteriaceae aumentaram 700% em crianças americanas desde 2007. Isso é o que indica um estudo publicado no Journal of Pediatric Infectious Diseases Society.

Para avaliar as tendências atuais, pesquisadores analisaram dados sobre cerca de 94.000 crianças menores de 18 anos e que foram tratadas em um dos 48 hospitais americanos para uma infecção associada a Enterobacteriaceae, entre 2007 e 2015.

Até 2015, os pesquisadores descobriram que 1,5% dessas infecções eram resistentes aos antibióticos, um aumento de 0,2% em 2007. Isso representou um aumento de mais de 700% ao longo de oito anos, segundo os autores do estudo.

As crianças com as infecções resistentes aos fármacos tiveram internações hospitalares que foram 20% mais longas do que os pacientes com infecções que responderam aos antibióticos. A maioria das infecções resistentes tinha se desenvolvido antes que os pacientes fossem ao hospital para tratamento, o que indicou a crescente vulnerabilidade da comunidade.

Fonte: J Pediatric Infect Dis Soc piw093. DOI: 10.1093/jpids/piw093

Copyright © 2017 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: