Publicidade

Notícias de saúde

Tratamento Simplificado Evita Transmissão Vertical do HIV

NOVA YORK (Reuters Health) - As drogas anti-retrovirais podem impedir que uma grávida portadora do HIV positivo passe o vírus para o bebê. Mas essa terapia não está ao alcance das mulheres de países em desenvolvimento devastados pela epidemia de Aids. Agora, pesquisadores descobriram que uma terapia mais simples -- e mais barata -- também pode impedir a transmissão.

Os pesquisadores testaram quatro combinações diferentes de drogas em mais de 1.400 grávidas na Tailândia e verificaram que tratamentos mais simples são eficazes para evitar a contaminação do bebê.

Esse sistema custa 174 dólares enquanto o usado nos países desenvolvidos custa cerca de 800 dólares.

O trabalho da equipe de Marc Lallemant da Escola de Saúde Pública de Harvard, de Boston (Massachusetts), foi publicado na edição de 5 de outubro do New England Journal of Medicine.

Nos Estados Unidos e em outros países desenvolvidos, as mulheres soropositivas recebem drogas anti-retrovirais durante a gravidez e o trabalho de parto. Os bebês são tratados com esses medicamentos por seis semanas. Essa estratégia reduziu a taxa de transmissão do HIV da mãe para o filho para menos de 2 por cento.

No estudo, a equipe de Lallemant verificou que esse tratamento mais simples e barato reduziu a transmissão para 6,5 por cento. As mulheres receberam AZT durante o último trimestre de gravidez e os bebês foram tratados por seis semanas.

No sistema em que os bebês foram tratados por apenas três dias a taxa de transmissão ficou abaixo de 5 por cento.

Segundo os pesquisadores, é preferível abreviar o tratamento dos bebês do que o das mães. Em um editorial que acompanha o estudo, duas médicas britânicas concordaram com a conclusão.

Quando uma mulher recebe um tratamento mais longo com AZT durante a gravidez, tratar o bebê pode não ter benefícios adicionais, segundo Catherine Peckham e Marie-Louise Newell do Institute of Child Health (Instituto de Saúde Infantil), em Londres.

As editorialistas ressaltam que essas descobertas têm pouca importância para os países desenvolvidos, onde as mulheres e bebês soropositivos são rotineiramente tratados com uma combinação de drogas.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: