Publicidade

Notícias de saúde

Dados do celular ajudam a identificar indivíduos com depressão

26 de agosto de 2015 (Bibliomed). Dados obtidos dos smartphones podem ser úteis na identificação de sintomas de depressão, de acordo com pesquisa publicada no Journal of Medical Internet Research.

O pequeno estudo - envolvendo apenas 20 mulheres e oito homens, com média de 29 anos de idade - analisou dados de telefones das pessoas para levantar o número de minutos de uso de seu telefone, bem como suas localizações ao longo do dia. Os pesquisadores da Northwestern University Feinberg School of Medicine, em Chicago rastreados duas semanas de uso do telefone e dados do sistema de posicionamento global (GPS) a partir dos smartphones dos 28 participantes.

Quanto mais tempo uma pessoa passou em seu telefone, havia maior probabilidade do indivíduo estar deprimido. Por exemplo, o uso médio diário de smartphones por aquelas pessoas com depressão foi 68 minutos, em comparação com apenas 17 minutos daquelas sem depressão, sua equipe encontrou. Além disso, os dados do GPS mostrou que as pessoas que estavam deprimidas tendem a passar mais tempo em casa, ou em menos locais, em comparação com pessoas que não estavam deprimidos.

No geral, os dados do smartphone foram 87% exatos em detectar pessoas com sintomas de depressão, de acordo com os autores do estudo.

Fonte: J Med Internet Res 2015;17(7):e175. DOI: 10.2196/jmir.4273

Copyright © 2015 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: