Publicidade

Notícias de saúde

Opas Cria Fundo Para Compra de Remédios Contra a Aids

Por Chris Gearon

WASHINGTON (Reuters Health) - Os países da América Latina e do Caribe que enfrentam uma epidemia crescente de Aids poderão comprar medicamentos anti-HIV com recursos de um fundo que está sendo criado pela Organização Panamericana de Saúde (Opas).

O Conselho Diretor da Opas, reunido em Washington, aprovou uma resolução na última quarta-feira determinando que a organização implemente os planos de criar um fundo regional que atuaria como um grande comprador de medicamentos, permitindo que os países da região paguem menos pelo coquetel anti-HIV.

Um alto funcionário da Opas disse à Reuters Health que os ministros da Saúde em todos os países da América vão receber, nos próximos dois meses, os detalhes sobre a operação.

O fundo, testado no Brasil no ano passado, é baseado em outro fundo da Opas, criado anos atrás para compra de vacinas.

Os funcionários da Opas informaram aos ministros que compareceram à reunião que os países do Caribe estão atrás apenas da África Subsaariana nas taxas de transmissão do HIV de mães para bebês.

"A epidemia parece estar piorando no Caribe", disse durante o encontro o ministro da Saúde de Barbados, Philip Goddard. Conforme a Opas, até maio, 1,8 por cento de todos os casos de Aids nas Américas eram de crianças e no Caribe os casos pediátricos respondiam por 5,8 por cento do total.

Reverter a tendência de crescimento da transmissão perinatal "é uma das nossas prioridades para muitos países", disse Fernando Zacarias, coordenador do Programa Aids/DST (Doenças Sexualmente Transmissíveis) da Opas. Os representantes da Opas disseram que o esforço para redução dos custos das drogas contra HIV/Aids deve ser acompanhado por ações para um programa educacional e um sistema de distribuição efetivos.

Complementando a criação do fundo, os ministros da Saúde pensam em consolidar os programas de nacionais contra DST/Aids em ações mais coordenadas; fortalecer a coleta de dados e a capacidade de monitoramento; continuar investindo em prevenção, particularmente em áreas de transmissão sexual e vertical da infeção por HIV; e garantir o direito de acesso da mulher grávida infectada e seus filhos a tratamento médico adequado.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: