Notícias de saúde

IMC elevado aumenta o risco de insuficiência cardíaca

04 de maio de 2017 (Bibliomed). O índice de massa corporal (IMC) elevado está associado a um risco aumentado de insuficiência cardíaca, o que é explicado em grande parte pelas diferenças na aptidão cardiorrespiratória (ACR), de acordo com um estudo publicado na revista JACC: Heart Failure.

Pesquisadores do Texas Southwestern Medical Center, em Dallas, examinaram as contribuições da obesidade e as mudanças no IMC em meados da vida, sobre o risco de insuficiência cardíaca a longo prazo. Os autores utilizaram dados de 19.485 participantes do Cooper Center Longitudinal Study que sobreviveram, de 1999 a 2009.

Os pesquisadores observaram 1.038 eventos de internação com insuficiência cardíaca após 127.110 pessoas-anos de acompanhamento. Após o ajuste para fatores de risco estabelecidos de insuficiência cardíaca, o IMC da meia-idade mais alto foi significativamente associado ao risco elevado de hospitalização por insuficiência cardíaca. Após ajuste para ACR a associação foi atenuada. A ACR representou 47% do risco de insuficiência cardíaca associada ao IMC. Após ajuste para a alteração da ACR, a alteração do IMC não foi significativamente associada com o risco de insuficiência cardíaca na idade avançada.

Estes resultados destacam a importância da ACR em mediar o risco de insuficiência cardíaca associada ao IMC.

Fonte: JACC: Heart Failure. April 2017. DOI: 10.1016/j.jchf.2016.12.021

Copyright © 2017 Bibliomed, Inc.

Veja também

Faça o seu comentário
Comentários