Cirurgia bariátrica pode prevenir a morte prematura

Comment

Obesidade

Para pessoas obesas, a cirurgia bariátrica pode aumentar a qualidade de vida e melhorar rapidamente algumas condições crônicas de saúde, como o diabetes tipo 2. Agora, um novo estudo da Universidade McMaster, no Canadá, mostrou que o procedimento também pode aumentar a expectativa de vida dos pacientes.

Pesquisadores descobriram que pessoas que passaram por cirurgia bariátrica reduziram o risco de morrer de qualquer causa em cerca de um terço em cinco anos. Pessoas com 55 anos ou mais pareciam se sair ainda melhor: reduzindo o risco quase pela metade.

Mais de 26.000 pessoas de Ontário participaram do estudo. Com base nas medidas de altura e peso, o índice de massa corporal (IMC) médio era de 47, classificado como obesidade extrema. Um IMC de 30 ou mais é considerado obeso.

Metade foi submetida a cirurgia para perda de peso, a outra metade não. Quase 9 em cada 10 dos que passaram pela cirurgia foram submetidos a bypass gástrico (que reduz parte do estômago e do intestino), enquanto o restante foi submetido ao método sleeve (que reduz apenas o estômago). Os pesquisadores então acompanharam sua saúde por uma média de quase cinco anos e descobriram que o risco de morrer de doenças cardíacas e doenças cardiovasculares ou de câncer também foi reduzido em cerca de 50%.

A taxa de mortalidade geral durante o acompanhamento foi de 1,4% entre os pacientes que foram submetidos à cirurgia e 2,5% entre os que não passaram pelo procedimento. Ajustando a taxa de risco para todas as causas, pacientes operados com 55 anos ou mais tiveram uma redução do risco absoluto de 3,3%. Os efeitos foram semelhantes entre homens e mulheres.Os pesquisadores ressaltam que ainda não está claro se há benefícios específicos com a cirurgia em si ou se é apenas a perda de peso que traz benefícios.

Apesar de os benefícios da cirurgia bariátrica na redução das taxas de mortalidade não serem novidade, o estudo canadense é interessante por mostrar que pacientes mais velhos também se beneficiam do procedimento. De acordo com os pesquisadores, muitas pessoas às vezes evitam fazer a cirurgia porque pensam que o dano foi feito, por causa da idade, e esses resultados indicam que elas podem sim se beneficiarem caso optem por operar.

Fonte: Annals of Internal Medicine. DOI: 10.7326/M19-3925.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *