Publicidade

Notícias de saúde

Vídeos de Rap influenciam negativamente meninas americanas

12 de dezembro de 2007 (Bibliomed). O comportamento humano é moldado desde o nascimento, sofrendo interferências genéticas herdadas e do ambiente de convívio familiar e social. Ainda não está claro qual é o peso de cada variável, na formação da personalidade individual. Pesquisadores norte americanos, da Emory University e University of Alabama, publicaram um estudo na revista Journal of Women's Health, onde analisaram a influência de vídeos de musicais, do estilo musical rap, no comportamento de adolescentes negras.

Foram incluídas na pesquisa 522 adolescentes, às quais responderam a um questionário sobre seu estilo de vida. Os resultados apresentados demonstraram que as participantes, com maior exposição aos clipes de rap, cursaram com elevação no risco de abuso de álcool, de possuir vários parceiros sexuais, de consumir drogas ilícitas como a maconha e de ter uma auto-imagem negativa.

Os autores concluem que os estereótipos relacionados a sexualidade, propagados nos vídeos de rap, relacionam-se a um amplo espectro de malefícios, para a saúde das adolescentes da raça negra. Maior atenção das autoridades de saúde deve ser dispensada a este subgrupo populacional, de forma a identificar comportamentos de risco para lesões ou doenças.

Fonte: Journal of Women's Health. 2007, 16 (8): 1157 – 1164.

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: