Publicidade

Notícias de saúde

Exercício reduz risco de câncer de mama

14 de março de 2007 (Bibliomed). O câncer de mama é um dos tumores mais comuns na mulher. Costuma se apresentar após a sexta década de vida, porém merece ser investigado desde idades mais precoces. Existem diversos fatores associados a um maior risco de surgimento do câncer de mama, destacando-se a presença deste tumor em familiares de primeiro grau e níveis elevados de hormônio sexual feminino (estrógeno).

A prática regular de atividade física se constitui num fator de proteção contra o desenvolvimento de câncer de mama, segundo afirma um grupo de pesquisadores norte-americanos, que escreveram um estudo na revista Câncer Epidemiology Biomarkers & Prevention, em Fevereiro de 2007.

Na pesquisa foram avaliadas 15.710 mulheres, com idades entre 20 e 69 anos, sendo que 8.080 destas apresentavam o diagnóstico de tumor mamário. Verificou-se que as mulheres que não costumavam praticar atividade física regular, apresentaram maior risco de surgimento do câncer de mama, em comparação com aquelas que se exercitavam diariamente.

Foi descoberto também que as mulheres que praticavam atividade física vigorosa, por períodos maiores que seis horas semanais, apresentaram uma redução de 23% no risco de desenvolver tumor na mama, em relação àquelas que não realizavam exercícios físicos.

Assim, comprova-se mais um benefício da prática diária de atividade física para as mulheres: a diminuição da chance de apresentar câncer na mama.

Fonte: Cancer Epidemiology Biomarkers & Prevention 2007; 16 (2): 236 – 243 (February 1). doi: 10.1158/1055-9965.EPI-06-0713

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: