Publicidade

Notícias de saúde

Consumo de gordura favorece desenvolvimento do câncer de cólon

21 de Maio de 2002 (Bibliomed). Os resultados de uma pesquisa publicada na revista Science sugerem que o consumo de alimentos muito gordurosos pode favorecer a ocorrência do câncer de cólon. Segundo os pesquisadores da Universidade do Texas e do Instituto Médico Howard Hughes, a relação entre a dieta e a doença está no fato de que o organismo não é capaz de processar grandes quantidades de ácido litocólico, substância que faz parte da digestão da gordura. O ácido litocólico é tóxico e cancerígeno, resultante da transformação de altas quantidades de gordura, principalmente a animal.

Durante o estudo, os cientistas constataram que em ratos os níveis elevados de ácido provocaram o câncer. Segundo os pesquisadores, as altas concentrações do ácido litocólico podem ser encontradas também nas pessoas que desenvolveram o câncer de cólon.

Os cientistas que participaram do estudo descobriram ainda que a vitamina D pode ser uma aliada do corpo contra o câncer de cólon, ajudando a eliminar os componentes tóxicos das substâncias cancerígenas produzidas durante o processo digestivo. Os pesquisadores acreditam que uma droga à base de vitamina D poderia prevenir a ocorrência da doença. O que eles ainda precisam estudar é como driblar o prejudicial e alto nível de cálcio no sangue provocado pelo excesso de vitamina D. Nos Estados Unidos, onde os índices de câncer de cólon são altos, a dieta rica em gorduras é muito comum, ao contrário do Japão, onde a gordura não é muito consumida e a doença tem índices baixíssimos.

Os estudos mostraram que os ácidos biliares produzidos durante a digestão do colesterol vão para o intestino delgado. Lá eles se fragmentam em ácidos biliares secundários, um dos quais é o litocólico.

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: