Esmaltes podem oferecer risco à saúde

2 Replies

Alergias Beleza Saúde da família

A exposição constante a esmaltes pode provocar danos à saúde, especialmente de manicures e pedicures que os manipulam durante longos períodos. A afirmação está presente no relatório Controle de Substâncias Tóxicas, produzido por um departamento do governo da Califórnia, nos Estados Unidos.

Segundo o relatório, um estudo realizado em 2008, esses produtos contêm substancias tóxicas, como o formaldeído, tolueno e dibutil ftalato, trio que está ligado ao câncer e a defeitos de nascimento. Os pesquisadores fazem um alerta: em muitos dos produtos analisados, o rótulo não informava a presença de tais substâncias e ainda se intitulavam como “não tóxicos”.

 

2 comments

  1. Jorge

    Como médico ,e,dermatologista há 40 anos ,diagnostico dermatoses produzidas por esmalte com
    freqüência cada vez maior.
    Primeiro: o esmalte (cosmético),devido a varias exigências do mercado e das consumidoras se torna cada dia mais tóxicos ( novas cores,maior durabilidade,etc.).
    Segundo:qualidade e origem dos produtos .O pior esmalte é o brasileiro,sabiam?.E os esmaltes chineses ,tem controle de qualidade?
    Terceiro: o que é pior, crianças (< 3 anos de idade) usando rotineiramente.
    Ótima postura ,parabens

  2. Adão Neto

    Como Podólogo, posso afirmar que muitas doenças das unhas são mascaradas e ignoradas pelas mulheres em prol da “beleza”. Rotineiramente em meu consultório, vejo mulheres que não respeitam as unhas como um órgão e sua importância vital para o próprio corpo, pois como muitas delas pouco sabem, através das unhas, doenças sistêmicas podem ser diagnosticadas com antecedência, favorecendo assim um tratamento muito eficaz

Deixe uma resposta para Jorge Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *