Publicidade

Notícias de saúde

Ronco pode ser causa de separação

18 de outubro de 2007 (Bibliomed). O sono é uma das etapas fundamentais no dia-a-dia de um indivíduo. É através dele que nosso organismo consegue restabelecer as energias para as práticas mínimas do cotidiano. Entretanto, um incontável número de pessoas sofrem de algum distúrbio do sono, o que influencia gravemente em sua qualidade de vida e de seus familiares.

Na revista médica Sleep Medicine Reviews, de outubro deste ano, foi publicado um artigo a respeito do tema, pouco abordado em estudos já realizados, buscando avaliar qual é a influência dos problemas do sono na vida dos casais.

A idéia, proposta por pesquisadores do departamento de psiquiatria da Universidade de Pittsbugh, nos Estados Unidos, partiu da observação de que a maior parte dos adultos dorme com um parceiro. Sendo assim, de alguma forma, a problemática do sono, como o ronco e a insônia, entre outros distúrbios, poderiam influenciar a vida e a qualidade do sono daquele que compartilha o momento de descanso ao lado de seu companheiro.

A partir da avaliação, os autores perceberam que questões psicológicas e sociais, envolvidas com os distúrbios do sono e o relacionamento a dois, são bastante freqüentes e estão, em alguns casos, implicadas nos conflitos conjugais. Dessa forma instaurar medidas que melhorem a qualidade de vida do casal, como terapias comportamentais e de enfoque no próprio distúrbio do sono, podem melhorar relacionamento a dois.

Fonte: Sleep Medicine Reviews; 11(5): 389 – 404 (October 2007)

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: