Chikungunya: sintomas lembram a dengue

Comentar

Bem estar Medicina Saúde da família

Nessa época do ano, a chuva e o calor intensificam as campanhas preventivas contra a dengue, entretanto, o Ministério da Saúde reforça o alerta para outra doença transmitida pelo mesmo inseto, a chikungunya (chicungunha), que segue os mesmos padrões sazonais da primeira.

A chikungunya é uma doença viral muito semelhante a dengue, que pode ser transmitida pelo mosquito Aedes. aegypti, e também pelo mosquito Aedes albopictus. Além do número crescente de casos dessa infecção em países da Europa e Ásia, recentemente o vírus foi identificado em países latino-americanos que fazem fronteira com o Brasil, o que sinaliza um processo migratório.

Segundo dados do Ministério da Saúde divulgados em outubro, no Brasil já foram registrados 828 casos de infecção pelo vírus chikungunya. Desse total, 299 foram transmitidos dentro do próprio país e outros 39 casos em pacientes infectados durante viagens a outros países.

Sintomas: a infecção pelo vírus chikungunya provoca sintomas parecidos com os da dengue, porém mais dolorosos. A principal diferença são as intensas dores articulares.

Transmissão: se dá pelo mesmo vetor da dengue (mosquito Aedes aegypti), e também pelo mosquito Aedes albopictus. Como segue os mesmos padrões sazonais da dengue, o risco é maior em épocas de calor e chuva, que favorecem a reprodução dos insetos.

Mortalidade: em comparação com a dengue, o novo vírus mata com menos frequência e as complicações sérias são raras.

Tratamento: não existe ainda um tratamento capaz de curar a infecção, nem vacinas voltadas para preveni-la.

Prevenção: da mesma forma que a dengue, é preciso combater a proliferação dos vetores responsáveis pela transmissão do vírus, os mosquitos.

Fonte: Ministério da Saúde e Organização Mundial da Saúde (OMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>