Americanos ainda sofrem com queimaduras solares

Comentar

Comportamento Saúde da família

Mesmo com todas as recomendações dadas por especialistas e campanhas que mostram os perigos da exposição excessiva ao sol, um terço dos adultos e 69% das crianças norte-americanas ainda sofrem com queimaduras solares.

Queimaduras solares aumentam as chances de desenvolvimento de câncer de pele, especialmente o melanoma. Esse envolve células chamadas melanócitos, que produzem um pigmento da pele chamado melanina responsável pela cor de pele e cabelo. O melanoma pode se espalhar muito rapidamente, e embora seja menos comum do que outros tipos de câncer de pele, sua taxa é cada vez maior, dizem os pesquisadores.

O estudo, publicado no Journal of the American Academy of Dermatology, mostrou que uma pessoa atingida por melanoma pode ter uma redução de tempo de vida em até 20 anos, enquanto a taxa para outros tipos de câncer é de 17 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>