Publicidade

Notícias de saúde

População de idosos portadores do HIV está aumentando

22 de agosto de 2017 (Bibliomed). A população de idosos com HIV está aumentando e suas necessidades devem ser abordadas, de acordo com pesquisas apresentadas na reunião anual da American Psychological Association, realizada de 3 a 6 de agosto de 2017 em Washington, DC. Observa-se que os adultos mais velhos estão sendo negligenciados quando se trata de prevenção e tratamento do HIV.

Nos países desenvolvidos, quase metade de todas as pessoas que vivem com HIV tem idade igual ou superior a 50 anos. Espera-se que esse número aumente para 70% até 2020 em alguns países. Nessa população, o estigma devido à idade, orientação sexual e outros fatores podem levar a resultados negativos. As recomendações para abordar a questão incluem treinamento de provedores de cuidados de saúde na triagem, diagnóstico e início de terapia em populações mais velhas; visar abordar os adultos mais velhos em prevenção, educação e divulgação; estabelecer diretrizes de tratamento para indivíduos mais velhos com HIV; necessidade de custeio para enfrentar o envelhecimento da epidemia; envolvimento de comunidades, organizações baseadas na comunidade e prestadores de serviços sociais; enfatizar a abordando as necessidades de populações específicas.

Seguindo os autores do estudo, o envelhecimento da epidemia de HIV será muito desafiador, mas oferece a oportunidade de montar uma resposta global que atenda as necessidades dessa população em regiões e cenários diversos.

Fonte: Session 2126: “Ageism and Older Adults With HIV: A Source of Health Disparities?” Congresso da American Psychological Association, 3 a 6 de agosto de 2017, Washington, DC.

Copyright © 2017 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: