Publicidade

Notícias de saúde

Deficiência auditiva pode ser indicação precoce da ocorrência de autismo

23 de setembro de 2016 (Bibliomed). Deficiência auditiva tem sido associado com atraso de desenvolvimento e outros problemas, tais como déficits de linguagem. Um teste de audição simples pode ajudar a identificar as crianças em risco para o autismo antes que elas tenham idade suficiente para falar. Isso é o que indica um estudo publicado on-line na revista Autism Research.

Pesquisadores da Universidade de Rochester Medical Center, em Nova York, testaram a audição de crianças entre as idades de seis e 17 anos, ​ com e sem autismo. Aquelas com autismo tinham dificuldade em ouvir em uma frequência específica (1-2 kHz), importante para o processamento da fala. O grau de deficiência auditiva foi associada com a gravidade dos sintomas do autismo.

Este estudo identifica um método simples, seguro e não invasivo para examinar as crianças para déficits auditivos que estão associados com o autismo. Esta técnica pode proporcionar aos médicos uma nova janela para a desordem e permitir uma intervenção mais precoce. Embora não exista uma associação entre problemas de audição e autismo, a dificuldade no processamento da fala pode contribuir para alguns dos principais sintomas da doença.

Fonte: Autism Research. DOI: 10.1002/aur.1663

Copyright © 2016 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: