Publicidade

Notícias de saúde

Caminhoneiros estão em maior risco de câncer de próstata

01 de novembro de 2013 (Bibliomed). Homens que trabalham como caminhoneiros podem estar em maior risco para o câncer de próstata agressivo no momento do diagnóstico do que os homens em outras ocupações, sugerem pesquisadores norte-americanos.

Realizado por uma equipe de pesquisadores dos Estados Unidos, o estudo envolveu dados de 2.132 homens que faziam parte de um programa de tratamento de câncer de próstata na Carolina do Norte. Esses foram questionados sobre suas ocupações, históricos profissionais e sobre a ocupação que desempenhavam naquele momento.

Os resultados apontaram que os homens que trabalhavam como caminhoneiros e que passavam a maior parte de seu tempo dirigindo apresentavam quatro vezes mais probabilidade de ser diagnosticado com um tumor na próstata do que aqueles que desempenhavam outras profissões. Além disso, o câncer de próstata tendia a ser mais agressivo nos caminhoneiros do que nos demais participantes do estudo.

A teoria dos pesquisadores é de que o risco de câncer de próstata é maior entre caminhoneiros por causa da “vibração de corpo inteiro” que esses experimentavam com frequência. A teoria é de que esse tremor provocado pelo motor do caminhão pode resultar na inflamação da glândula da próstata, o que poderia resultar em câncer, ou aumentar a produção de testosterona, o que aumenta o risco de desenvolvimento de tumores.

Fonte: UPI, 30 de outubro de 2013 

Saiba mais sobre o câncer de próstata em Boa Saúde

Uso de estatinas reduz o risco de câncer de próstata? Descubra em Bibliomed

Copyright © 2013 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: