Publicidade

Exames de rotina

Periodicamente seu médico solicita alguns exames para que possa fazer uma análise mais completa de seu quadro de saúde.

Neste especial, Boa Saúde lista alguns dos principais exames médicos com ilustrações e informações para ajudá-lo a entender melhor esses procedimentos de rotina.

Os exames estão classificados em ordem alfabética (navegue através das letras iniciais abaixo):

Hemossedimentação (código AMB: 4.03.04.37-0)

Material a ser analisado: sangue extraído por punção da veia do braço.

Tempo gasto para realização do exame: 5 a 10 minutos.

Objetivo: medir a queda da velocidade de decantação das hemácias, colhidas juntamente com o soro (plasma), associado a anticoagulante. É um indicador muito sensível de doença, quando existem outras alterações laboratoriais, porém não é específico. É utilizado para controlar a evolução de doenças inflamatórias, infecciosas ou tumorais.

Preparação prévia: não é necessária.

Resultados:

Valores normais: 5 a 20 mm por hora.

Valores aumentados podem ser significar: Anemia, Inflamação, Gravidez, Febre reumática, Tumores malignos, Paraproteinemia, Mieloma, Doença de Waldenströn, Artrite reumatóide, Doença de Kawasaki, Doença infecciosa bacteriana, etc.

Valores diminuídos podem significar: Policitemia, Hipoproteinemia, etc.

Tempo necessário para a obtenção dos resultados: 2 horas e meia. Os resultados são obtidos por visualização da quantidade de mm que as hemácias sedimentam na primeira e na segunda hora.

Credibilidade do exame: boa.

Medicamentos que podem alterar os resultados:

Salicilato
Quinina
Vitamina A
Metildopa

Fontes:

- Manual de exames: Instituto de Patologia clinica Hermes Pardini 2003/2004

- A clínica e o laboratório - Alfonso Balcells Gorina, Medsi Editora 1996

- Henry: Clinical Diagnosis and Management by Laboratory Methods, 20th ed., 2001.

 


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: