Publicidade

Exames de rotina

Periodicamente seu médico solicita alguns exames para que possa fazer uma análise mais completa de seu quadro de saúde.

Neste especial, Boa Saúde lista alguns dos principais exames médicos com ilustrações e informações para ajudá-lo a entender melhor esses procedimentos de rotina.

Os exames estão classificados em ordem alfabética (navegue através das letras iniciais abaixo):

Digoxina no sangue - (4.03.01.75-3)

Material a ser analisado: coleta de sangue venoso para determinação dos níveis de digoxina.,

Tempo necessário para obter o material: 5 a 10 minutos.

Finalidade: determinar a presença de toxicidade por digoxina.

Valores normais: o nível terapêutico de digoxina é de 0,8 a 2,0 mg/L.

Valores elevados podem ocorrer em: intoxicação por digoxina, pacientes em uso de doses terapêuticas que desenvolveram algum grau de insuficiência renal durante o tratamento.

Segurança dos resultados: boa.

Outros fatores que podem alterar os resultados: a absorção de digoxina apresenta um pico 4-6h após a ingestão, com meia-vida acima de 30h. A dosagem de digoxina é um modo útil, porém não absoluto, para orientar o diagnóstico de toxicidade, uma vez que as concentrações plasmáticas de digoxina não se correlacionam de modo exato à severidade da intoxicação, especialmente nas fases iniciais de toxicidade. As concentrações plasmáticas de digoxina não podem ser interpretadas após administração de fragmentos de anticorpos anti-digoxina através de procedimentos normais. As amostrar colhidas para investigar possíveis intoxicações crônicas por digoxina devem ser retiradas pelo menos 6h após a administração do medicamento.

Fontes:

- Manual de exames: Instituto de Patologia clinica Hermes Pardini 2003/2004

- A clínica e o laboratório - Alfonso Balcells Gorina, Medsi Editora 1996

- Henry: Clinical Diagnosis and Management by Laboratory Methods, 20th ed., 2001.

 


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: