Nojo pode contribuir para distúrbio sexual

2 Replies

Saúde da mulher Sexologia

Mulheres que enfrentam o vaginismo têm dificuldades na prática sexual. Essa condição faz com que os músculos da pelve se contraiam involuntariamente, impedindo a penetração do pênis na vagina. Porém, pacientes com esse distúrbio podem sofrer com uma complicação: o nojo em resposta a coisas como a produção do sêmen.

Pesquisadores apontam que o nojo involuntário poderia causar as contrações do músculo como um mecanismo de defesa. “Nesse sentido, o nojo age como o equivalente emocional do banho gelado”, explica Mark Overveld, da Universidade Erasmus de Roterdã, na Holanda.

A pesquisa foi publicada no periódico Journal of Sexual Medicine.

 

2 comments

  1. joana

    EU SÓ SINTO PRAZER QUANDO PENSO EM ALGUMAS SITUAÇÕES E SÓ GOZO QUANDO SOU TOCADA NO CLITÓRIS, E NUNCA NA PENETRAÇÃO, ISSO É NORMAL?

    1. Ana Cláudia Xavier

      Joana, cada mulher responde à prática sexual de forma diferente, então é difícil determinar o que é normal. No nosso site você pode encontrar notícias que poderão te dar algumas informações, mas o ideal é que você procure um médico e apresente as suas dúvidas. Apenas um especialista poderá te orientar corretamente.

      Leia mais sobre o prazer feminino neste link – http://www.boasaude.com.br/noticias/9190/prazer-sexual-feminino-esta-ligado-a-auto-estima-empatia-e-autonomia.html

      Obrigada por sua pergunta!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *