Latinos que vivem nos Estados Unidos correm mais risco de contrair HIV

Comentar

Comportamento Saúde da família Saúde da mulher Saúde do homem Sexologia

Segundo o Centers for Disease Control and Prevention (CDC), nos Estados Unidos, um em cada 50 latinos que moram no país podem ser diagnosticados com HIV ao longo da vida. Os grupos de maior risco são homens homossexuais e bissexuais com idade superior a 30 anos, que representam 81% das infecções.

Taxas de infecção pelo HIV entre homens latinos são quase três vezes maior do que entre homens brancos, enquanto as taxas de infecção pelo HIV entre mulheres latinas são quatro vezes maior do que entre mulheres brancas.

O Centers for Disease Control and Prevention recomenda que todos os adolescentes e adultos façam o teste de HIV, independente de sua visão de que estão ou não em risco. “Fazer o teste é uma maneira simples e eficaz para controlar nossa saúde”, diz Dr. Kevin Fenton, diretor do CDC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>