Desigualdade nas Olimpíadas pode humilhar países mais pobres

2 Comentários

Bem estar Comportamento Fitness

A desigualdade que ocorre nas Olimpíadas de Londres reflete a desigualdade que domina o mundo. Enquanto países como os Estados Unidos e a China levam centenas de atletas, alguns países têm apenas dois ou três competidores.

Segundo o sociólogo Oscar Mwaanga, os Jogos Olímpicos estão longe de ser um espaço democrático onde todos os atletas podem competir com condições de igualdade, o que acaba resultando em uma espécie de “humilhação” para os países mais pobres.

O sociólogo sugere que parte dos recursos arrecadados com os Jogos seja utilizada para estimular atividades esportivas em países mais pobres, e que o Comitê Olímpico Internacional precisa tomar mais consciência sobre o problema. “Precisamos redistribuir a riqueza acumulada com as Olimpíadas, analisando como ela pode beneficiar países menores”, argumenta Mwaanga.

2 comments

  1. Roberto

    Dizer que o espaço não é democrático não é verdade, muito menos que é “humilhação” para os países mais pobres. As Olimpíadas é um espaço, que por ser democrático, a “realidade” aparece ao vivo e a cores. Ao COI cabe promover e realizar as Olimpíadas e não combater a desigualdade social entre os países: deve ter foco. Todos os eventos esportivos, sem exceção, demonstram a realidade da desigualdade social entre os países. Cada um deve executar a sua missão e ao COI cabe unicamente promover e executar as Olimpíadas.

  2. elza zimbardi

    Ser pobre não é para ser humilhado, pelo contrario, mostra-nos a forte e garra desse povo. Vamos investir na igualdade entre os homens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>