Crianças que dormem pouco têm maior risco de obesidade

Comentar

Saúde do adolescente Saúde do bebe e da criança

destaque_bebeA obesidade infantil é uma preocupação crescente em todo o mundo. Estudo da Federação Mundial de Obesidade estima que o número de crianças e adolescentes acima do peso deve aumentar de 220 milhões para 268 milhões nos próximos dez anos. Além da má alimentação e do sedentarismo, pesquisa da Universidade de Warwick mostrou que dormir pouco aumenta o risco de ganho de peso em crianças e adolescentes.

Os pesquisadores revisaram 42 estudos que incluíram, juntos, mai de 75.000 crianças e adolescentes, com idade igual ou menor a 18 anos. Os resultados mostraram que aqueles que dormiam menos horas do que o recomendado para sua faixa etária apresentavam maior peso corporal. Esses tinham, também, 58% mais chances de se tornarem adultos obesos ou com sobrepeso.

Publicado na revista Sleep, o estudo mostrou uma entre relação privação de sono e peso consistente em todas as idades analisadas. Os pesquisadores explicam que o estudo também reforça o conceito de que a privação de sono é um importante fator de risco para a obesidade, detectável muito cedo na vida.

Estar acima do peso pode levar a doenças cardiovasculares e diabetes tipo 2, doenças que estão aumentando entre as crianças.

Fonte: Sleep, 05 de maio de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>