Cafeína pode proteger contra a demência

1 Comentário

Saúde da família

destaque_cafePesquisadores da Universidade de Indiana, nos Estados Uniods, encontraram 24 compostos que podem estimular uma enzima no cérebro que pode proteger contra a demência. A enzima, chamada NMNAT2, foi descoberta por uma equipe de pesquisadores da IU Bloomington em 2016.

A NMNAT2 atua na proteção do cérebro, protegendo neurônios de estresse e combatendo proteínas mal dobradas conhecidas como Tau. O Tau se acumula no cérebro, criando um bloqueio químico contra efeitos debilitantes de doenças neurodegenerativas, como as Alzheimer, Parkinson e Huntington, juntamente com esclerose lateral amiotrófica (ELA).

O estudo envolveu a seleção de 1.280 compostos para encontrar aqueles com o potencial de impacto na produção de NMNAT2. Testes identificaram 24 compostos com o potencial de aumentar a produção da substância.

A pesquisa revelou cafeína foi uma das substâncias que aumenta a produção de NMNAT2, além a função da memória em camundongos geneticamente modificados para produzir altos níveis de proteínas mal dobradas do tipo Tau, que contribuem para o desenvolvimento da demência. Os pesquisadores também descobriram que os camundongos modificados para produzir Tau misfolded fizeram níveis mais baixos de NMNAT2.

Outras proteínas que impulsionaram a produção de NMNAT2 incluem rolipram, ziprasidona, cantharidina, wortmannina e ácido retinóico.

O estudo foi publicado em Scientific Reports.

Fonte: Scientific Reports, 07 de março de 2017

1 comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>