Antidepressivos podem estar associados ao autismo

1 Comentário

Maternidade Saúde da família Saúde do bebe e da criança

De acordo com um novo estudo (desenvolvido na Universidade do Mississippi – EUA), ratos de laboratório que foram expostos a antidepressivos pouco antes e depois do nascimento mostram anormalidades cerebrais e comportamento indicativo de autismo.

Apesar de a pesquisa ter sido feita em animais, o estudo fornece evidências para a suspeita de existência da relação entre o uso de antidepressivos durante a gravidez e o autismo em crianças. Após serem expostos ao citalopram, um inibidor seletivo de recaptação de serotonina, os filhotes mostraram ter medo excessivo de novas situações e não conseguiram brincar normalmente com outros filhotes.

“Nossos resultados sublinham a importância de níveis balanceados de serotonina – não muito altos nem muito baixos – para a maturação apropriada do cérebro”, afirma o pesquisador Rick Lin.

1 comment

  1. sonia maria de oliveira silva

    A bibliomed esclarece a todos com clareza e objetividade;contribui para que despertemos para a necessidade de sermos bem informados e de não deixarmos nunca de nos cuidar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>