Publicidade

Artigos de saúde

Aleitamento Materno e Sensibilidade do Mamilo

Neste Artigo:

- Causas de Irritação e Sensibilidade nos Mamilos Durante o Período do Aleitamento
- Como Diminuir a Sensibilidade nos Mamilos
- Caso não haja Melhora
- Quando Procurar o Médico
- Veja Outros Artigos Relacionados ao Tema

"Problemas comuns no período pós-parto incluem desconforto no bico do seio (ardência), sangramento na ponta, ingurgitamento mamário, ductos obstruídos, mastite (infecção no seio) e rachaduras no bico do seio. Exceto quando há suspeita de infecção, o cuidado com estas afecções é basicamente orientação, e o aleitamento deve prosseguir."

Causas de Irritação e Sensibilidade nos Mamilos Durante o Período do Aleitamento

O prazer que uma mãe sente ao amamentar seu filho pode deixar de existir, caso os mamilos comecem a doer. Este incômodo é muito freqüente em mães que amamentam pela primeira vez. Mulheres de pele clara são mais propensas a sofrer de sensibilidade dos mamilos. A sensibilidade dos mamilos pode causar muita dor, podendo fazer com que a mãe desista de amamentar. Entretanto, existem muitas opções que podem ser utilizadas para tratar a sensibilidade mamilar excessiva, sem que o aleitamento seja interrompido.

Seus mamilos podem ser machucados quando a posição que seu bebê adota para mamar não é a correta. Ou, ainda, os mamilos podem doer quando o bebê não se adapta bem quando você começa a amamentá-lo. O tamanho e a forma de seus mamilos também pode afetar esta adaptação, assim como a forma da boca de seu filho. A forma com que seu bebê suga pode ser a causa da dor nos mamilos. Uma outra possível causa de sensibilidade dos mamilos pode ser uma infecção produzida por um fungo no mamilo ou uma infecção nos seios.

Como Diminuir a Sensibilidade nos Mamilos

As seguintes sugestões podem ajudar no tratamento de seus mamilos sensíveis, levando a melhora após alguns dias:

· Diminuição da ansiedade. Procure relaxar - se houver uma antecipação de que você irá sentir dor ao amamentar, esta ansiedade será capaz, por si só, de ser uma cauda de aumento da dor. Escute música ou faça exercícios de relaxamento antes da amamentação. Outras dicas seriam: tome sucos naturais; de oito a 10 copos grandes de líquido (300 a 360 ml cada) devem ser consumidos diariamente.; umedeça os bicos dos seios com água morna; tome uma ducha morna. Estas sugestões ajudam você a relaxar e estimulam o reflexo de descida do leite. Seu bebê tenderá a sugar com mais força quando este reflexo não for bom, causando aumento da dor - a sucção muito forte fará com que seus mamilos doam ainda mais.

· A mulher que amamenta deve usar um sutiã confortável, sem linhas de plástico, para evitar o estiramento dos ligamentos que sustentam as mamas.

· A mãe deve massagear seu seio, a área do bico e a aréola para promover a descida do leite e aumentar a protuberância do bico. O bebê é sustentado por ambos os braços em cima de um travesseiro e trazido ao seio. Uma pequena quantidade de leite é espremida na boca do bebê; quando sua boca abrir, a aréola e o bico são inseridos, O bico deve ser colocado no palato duro para estimular a sucção.

· Inicie a amamentação pelo seio menos sensível. A princípio, seu bebê suga com mais força para alimentar-se porque está com fome. Geralmente, esta força para sugar diminui ao mamar no outro seio. Quando seus mamilos tiverem melhorado, mude sempre de mamilo ao começar cada amamentação. Isto conservará equilibrada a produção de leite em cada um dos seios. Quando ambos os mamilos estão sensíveis, comece sempre com o seio que foi oferecido por último na mamada anterior.

· Enquanto os mamilos estiverem sensíveis, troque a posição para amamentar para providenciar que uma parte diferente de seu mamilo seja espremida em cada mamada. Mas sempre mantenha seu bebê olhando para seus seios.

· Seu bebê pode ter dificuldade de adaptar-se ao seu mamilo quando seus seios estiverem cheios e endurecidos. O uso de compressas morno suaviza os mamilos e a aréola (a parte escura que circula o mamilo). Outra opção é a retirada de um pouco de leite antes de iniciar a amamentação. Isto estimula o reflexo de ejeção do leite, e também amacia o mamilo, facilitando com que o bebê se adapte melhor ao mamilo.

· Verifique a posição que seu filho usa para mamar. Coloque 4 dedos debaixo do seio e o polegar por cima. Suavemente, aperte seu mamilo pressionando com o polegar e o dedo indicador. Com a boca de seu bebê completamente aberta, coloque a maior parte possível da aréola e mamilo no interior da mesma. O mamilo deve ficar no centro da boca do bebê. Quando o bebê suga apenas a ponta do mamilo, você ficará com estes sensíveis, rachados ou sangrando.

· A posição do bico do seio na boca do recém-nascido é importante na prevenção de ardência e de rachaduras. A gengiva do bebê deve ficar de O,5 a 1,0 cm atrás da junção do bico/aréola, para liberar o leite dos seios. O lábio inferior e a língua de seu filho podem ser a causa da sensibilidade em seus mamilos, portanto puxe para baixo o lábio inferior certificando-se de poder observar sua língua. Fique atenta para que o lábio inferior de seu filho não seja sugado dentro da boca durante a amamentação.

· Você pode querer alimentar seu filho a cada 2 horas durante 5 a 10 minutos de cada vez até que seus mamilos melhorem. Retorne ao horário habitual assim que sentir que não há mais sensibilidade.

· Coloque seu dedo mínimo ("mindinho") dentro da boca de seu filho para interromper a sucção quando o bebê houver terminado de sugar o seio. Isto ajuda a prevenir a sensibilidade dos mamilos.

· Utilize apenas água para lavar os seios. Não utilize sabão, álcool e outras substâncias para efetuar a limpeza dos seios ou mamilos.

· Após a amamentação, seque os mamilos com um pano limpo e macio. Após alimentar o bebê, você pode deixar os seios descobertos e expostos ao ar por alguns minutos. Faça isto deixando baixadas as abas de seu sutiã de lactação. Não utilize um secador de cabelos para secar os mamilos - o ressecamento exagerado de seus mamilos, irá piorá-los invés de melhorá-los.

· Após secar os mamilos, uma camada de vaselina pura deve ser aplicada sobre eles, com a finalidade de prevenir o seu ressecamento exagerado. Após cada amamentação, aplique uma nova camada de vaselina. Algumas mães aplicam vitamina E líquida sobre os mamilos para melhorá-los e prevenir o ressecamento.

· Troque os absorventes de seus seios a cada vez que estiverem molhados.

Caso Não Haja Melhora

· O bebê pode apresentar aftas na boca, causadas por fungos. Estes podem ser a causa de uma infecção nos mamilos. Verifique a boca de seu bebê e procure por placas brancas (seu bebê também pode apresentar irritação na região das fraldas causada por estas aftas). Esta infecção também pode ser a causa das dores que você sente em nos seios, durante e após a amamentação. Os médicos receitarão para você e para seu bebê medicamentos para tratar este quadro infeccioso.

· Geralmente a irritação desaparece após a 20ª amamentação. Nesta época seus mamilos deverão ter se tornado mais resistentes, e você provavelmente estará amamentando sem sentir dor. Algumas vezes a dor dos mamilos piora antes de melhorar. Isto é mais freqüente quando a pele da mãe for muito clara.

· Caso seus mamilos não melhorem, fale com seu médico.

· Pode ser necessário utilizar uma bomba elétrica para extrair o leite, caso você não se encontre em condições de amamentar o bebê devido à sensibilidade e irritação mamilar. A retirada artificial de leite é uma forma rápida e fácil de esvaziar seus seios e aumentar a produção de leite. O uso da bomba para os seios dá tempo para que estes melhorem. Para mais informações a respeito destas bombas, pergunte a seu médico.

Quando Procurar o Médico

O médico deverá ser consultado se a mãe apresentar:

- Calafrios ou temperatura acima de 37ºC
- Dores de cabeça ou musculares
- Dor ou vermelhidão em um ou ambos os seios. Isto significa que a mãe pode estar com uma infecção nos seios e irá necessitar de tratamento.
- Os mamilos apresentem vermelhidão, dores em pontada ou ardor, ou caso ocorram dores em pontada nos seios durante e após a amamentação. Estes sinais e sintomas podem indicar que talvez você tenha uma infecção causada por fungos. É necessário utilizar medicamentos para tratar esta infecção.
- Caso a dor nos mamilos seja tão intensa a ponto de impedir a mãe de estimular o reflexo de ejeção (descida) do leite.

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.                 18 de Março de 2002



Artigos Relacionados com Esse Tema:

Amamentação e Tamponamento dos Ductos Lactíferos

Amamentação e Dietas Para Emagrecer

Amamentar Só Traz Vantagens



Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: