Publicidade

Artigos de saúde

Menopausa

Neste artigo:

- Definição
- Quais são os sintomas?
- Como é feito o diagnóstico?
- Como é feito o tratamento?
- Qual a duração dos efeitos?
- Que cuidados devem ser tomados?

Definição

Menopausa é um processo gradual durante o qual a mulher tem o seu ciclo menstrual interrompido, os ovários começam a produzir quantidades mais baixas de hormônios e estas quantidades reduzidas provocam irregularidades nos períodos menstruais até que cesse completamente a menstruação. A menopausa também pode acontecer quando os ovários são cirurgicamente removidos. A maioria das mulheres passa pela menopausa entre 45 e 60 anos.

Quais são os sintomas?

Podem ser físicos e psicológicos. Os sintomas podem surgir durante algumas semanas, alguns meses, ou às vezes durante vários anos e apresentam-se de forma flutuante, ou seja, podem ir e vir ou podem surgir regularmente.

Os seguintes sintomas físicos são comuns durante menopausa:

- Períodos menstruais irregulares;
- Calores intensos;
- Suores noturnos;
- Insônia;
- Mucosa vaginal seca e encolhimento dos tecidos genitais, às vezes resultando em desconforto ou dor durante o ato sexual;
- Pele seca;
- Micção mais freqüente ou vazamento de urina (incontinência urinária);
- Infecções vaginais e urinárias secundárias mais freqüentes.

A menopausa geralmente surge em um momento da vida quando outras mudanças dramáticas acontecem. Algumas destas mudanças podem incluir perda dos pais, amadurecimento dos filhos ou sua saída de casa, o fato de se tornar avó, aposentadoria, ou mudanças na carreira. Estas mudanças, além de físicas, podem resultar em tensão psicológica ou emocional. Sintomas psicológicos de menopausa podem incluir ansiedade, depressão, choro, irritabilidade, insônia, menor desejo sexual, falta de concentração e dificuldade para lembrar as coisas.

Como é feito o diagnóstico?

A menopausa freqüentemente pode ser diagnosticada por seu histórico clínico através de um exame médico que podem ir desde exames de sangue à pélvico e esfregaço de células (Papanicolau).

Como é feito o tratamento?

Menopausa faz parte de um processo natural do ciclo de vida de uma mulher. Não é uma doença e necessariamente não requer nenhum tratamento. Porém, certos problemas de saúde, como osteoporose e aumento da freqüência de doenças no coração, estão associados com a baixa quantidade de estrógeno. Para ajudar a prevenir tais problemas, muitas mulheres escolhem tomar estrógeno para substituir o que o corpo já não consegue mais produzir. Este tratamento é chamado terapia de substituição de estrógeno (TSE), ou terapia de substituição de hormônio (TSH). Seu médico dará instruções a respeito dos benefícios e os riscos da terapia de substituição de hormônio. Fatores como idade, raça, histórico familiar e de saúde serão considerados. Terapia de substituição de hormônio é o tratamento mais eficiente por prevenir osteoporose (perda de densidade do osso). Porém, não é o tratamento certo para toda mulher, principalmente se esta teve algum tipo de câncer de mama ou outro câncer, problema de coagulação sangüínea, ou certas doenças. Há outros modos para ajudar a prevenir a osteoporose, por exemplo, a ingestão de suplementos de cálcio e a prática de exercícios regulares. A terapia de substituição de hormônio também pode beneficiar seu coração e vasos sangüíneos. Se você e seu médico decidirem que começará o tratamento tomando estrógeno que poderá ser prescrito na forma de comprimidos, adesivos para serem aplicados à pele ou um creme a ser inserido na vagina. O tratamento provavelmente será administrado durante vários meses e possivelmente por muitos anos. Se o útero foi removido, apenas estrógeno pode ser tomado visto que a ingestão de estrógeno isolado pode aumentar o risco de câncer do útero. Caso contrário serão administrados estrógeno e progesterona. Pergunte ao médico a respeito de qualquer efeito colateral ou precauções especiais que devem ser tomadas enquanto estiver sob tratamento hormonal. Não deixe de informar ao médico sobre qualquer outro medicamento que esteja tomando.

Qual a duração dos efeitos?

Os sintomas da menopausa podem durar apenas um mês ou vários anos. Se não houve nenhum período menstrual durante vários meses e depois apresentou sangramento da vagina, consulte seu médico. Hemorragia vaginal em uma mulher que não teve períodos menstruais por meses, ou especialmente anos, pode ser um sintoma de câncer.

Que cuidados devem ser tomados?

Para cuidar de seu bem estar físico e mental, siga as seguintes instruções:

- Realize um mamograma a cada 2 anos entre as idades de 40 e 50 anos, e anualmente a partir de 50 anos de idade;
- Coma alimentos mais ricos em cálcio, como legumes verdes escuros, leite e derivados pobres em gorduras (desnatado);
- Reduza gorduras saturadas em sua dieta. Confira as etiquetas de um produto antes de você comprá-los;
- Faça exercício físico regularmente. Exercício ajudará a combater a depressão e manterá uma boa circulação, mobilidade, densidade óssea e uma sensação de bem-estar;
- Use métodos de controle da natalidade durante os atos sexuais até seu médico orientá-la a parar. Não é possível saber exatamente a inexistência do risco de gravidez, por isso é importante evitar gravidez de alto risco. Você também pode usar pijamas de algodão para reduzir desconforto devido aos suores noturnos, usar um creme lubrificante vaginal se a relação sexual é dolorosa. Este problema normalmente é causado por falta de estrógeno e deveria ser discutido com seu médico. Converse e divida seus sentimentos com um amigo ou amiga ou um familiar que entenda o que está passando ou unte-se a um grupo de apoio à mulheres que tiveram ou têm menopausa.

Desenvolvido por Phyllis G. Cooper, R.N., M.N., e Clinical Reference Systems.
Copyright ©1998 Clinical Reference Systems



Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: